fbpx
DestaquePescaTodos

Pescaria de robalos, qual vara de pesca utilizar?

Homem no caiaque segurando robalo com as mãos.

Entre todos os equipamentos utilizados na pescaria de robalos, sem sombra de dúvidas o mais importante é a vara de pesca. Para definir a vara a ser adquirida, antes de mais nada, é preciso definir qual a técnica será utilizada durante a pescaria.

ANÚNCIO

As 3 técnicas mais utilizadas hoje são a pesca com hard baits (plugs), a pesca com soft baits (camarões ou shads com jighead) e a pesca com jumping jigs.

Pois é pescador, para cada técnica existe uma vara específica que fará muita diferença, vou tentar explicar e sugerir algumas especificações para auxiliar na escolha do equipamento mais adequado.

Homem no caiaque segurando robalo com as mãos.

Hard baits (plugs)

Pescaria geralmente feita em estuários e manguezais. Nesta modalidade as varas de ação média facilitam o trabalho e o arremesso de iscas de meia água, pequenas e mais leves (4 a 7 gramas), também facilitam o trabalho de sticks, fazendo com que a isca não pule quando o pescador dá os toques de ponta de vara durante o trabalho.

Comprimento até 5’8 é o bastante, lembrando que varas mais curtas tornam a técnica de arremesso “flip cast” mais fácil. Libragem de até 17lbs é o suficiente.

Iscas Soft com Jighead

É comprovado que varas mais longas são melhores para a pesca de fundo com iscas soft (Camarões e Shads), pois o maior comprimento proporcionará uma maior área de trabalho para as iscas quando levantamos a vara, fazendo com que o camarão suba e depois desça retornando ao fundo.

Varas de ação rápida ou extra rápida são as mais indicadas por darem maior sensibilidade, transmitindo ao pescador o menor toque do peixe à isca.

Tamanhos entre 6′ e 6’4 são suficientes, já que na pesca com caiaques uma vara mais longa pode dificultar o manuseio. Para pescaria em mangues e estuários a libragem da vara pode ser mais baixa, entre 12 e 15lbs.

Para a pescaria na costeira pode-se utilizar uma vara mais parruda, até 20lbs.

Jumping Jigs

Para a pesca com jumping jigs não é necessário uma vara longa, porém uma característica em especial pode ajudar bastante na pescaria com essa modalidade.

Uma vara com a montagem dos passadores em espiral, também conhecida como torqued, diminuirá em 90% as laçadas que a linha pode dar na ponteira da vara durante o trabalho de sobe e desce, em toques contínuos, utilizado na pesca com jumping jigs.

Isto é um fato comprovado, mesmo a vara possuindo uma ponteira anti-enrrosco essas laçadas acontecem, a montagem torqued elimina em grande parte essa questão.

A libragem da vara pode ficar em 17lbs, já que nessa modalidade não são raras as capturas de grandes espécies, como as Miraguaias e Pescadas Amarelas, um equipamento mais forte pode fazer a diferença nessa hora.

Ação rápida para uma fisgada veloz na hora da batida do peixe é ideal.

Estas são algumas sugestões para facilitar a escolha da sua vara de pesca ideal, agora é só e praticar a pescaria de robalos!

Texto por:

Guia de Pesca c/ Caiaque 
Lúcio Gouveia 
Tel./Whatsapp : (13) 974147170

Conheça os nossos produtos e se apaixone! Só clicar aqui!

Quer ter o auxilio de uma esquipe especializada em caiaques? Entre em contato conosco, clicando aqui!

Related posts
CaiaqueDestaqueTodos

Caiaque = Liberdade

DestaquePescaTodos

Checklist para sua próxima pescaria!

DestaquePescaTodos

Como prevenir o mau tempo nas suas próximas pescarias?

CaiaqueDestaqueTodos

Caiaque AS Cruise 400 é uma boa compra?

Inscreva-se e receba nossos conteúdos primeiro!